O FamilySearch Comemora 20 Anos Online

maio 31, 2019  - by 

A Página Inicial do FamilySearch.org surgiu em 1999, no lançamento do novo serviço de genealogia na internet.Vinte anos atrás, uma organização global sem fins lucrativos, o FamilySearch lançou um site inovador, um serviço gratuito de genealogia pela internet. Duas décadas depois, o FamilySearch é líder na crescente onda de serviços online relacionados a antepassados. Durante esse período, o FamilySearch expandiu e evoluiu seu mix gratuito de ofertas online, mantendo-se fiel a sua finalidade de fornecer acesso rápido aos registros genealógicos do mundo, e criando empolgantes descobertas de história da família para todos.

Em 24 de maio de 1999, o FamilySearch.org impressionou o mundo da genealogia, oferecendo acesso gratuito a centenas de milhões de registros históricos online — um tesouro para aqueles que procuram fazer conexões na história da família. Para um melhor entendimento, notícias transmitidas online, e-trading, e serviços de música para download eram a moda na época. O Google, classificado em 93º dos principais sites, ainda era um serviço em ascensão que tentava redefinir o papel de um mecanismo de busca através da indexação pela web para tornar os resultados livres de lixo e mais relevantes para o consumidor.

No FamilySearch.org, a busca de registros históricos para novas descobertas continua a ser de grande interesse para os visitantes do site. Milhões de novos usuários visitam o portal a cada ano à procura de novas conexões familiares. E por uma boa razão. O site agora possui mais de 7 bilhões de nomes, e mais de 3 bilhões de imagens pesquisáveis de registros históricos. E acrescenta mais de 300 milhões de novos registros históricos e imagens anualmente, de arquivos de todo o mundo.

O site tem expandido seus serviços e coleções gratuitas desde a sua inauguração há duas décadas. Usuários acrescentaram 1,4 bilhões de antepassados ao robusto e colaborativo site da Árvore Familiar. E a árvore está integrada com dois poderosos aplicativos móveis. Você pode preservar fotos de família e criar arquivos de áudio que ajudam a contar as histórias de sua família. O site também apresenta uma lista impressionante de serviços de ajuda muito úteis, como por exemplo informações sobre os resultados de testes de DNA, e tudo ainda é grátis.

Randy Bryson, agora aposentado, foi um diretor de TI do FamilySearch quando o site foi lançado em 1999. Ele lembra carinhosamente do grande dia. Ele disse que o site foi tão bem sucedido que constituía 10 por cento de todo o tráfego de internet na época e era um site top 10 com base na quantidade de dados que estava hospedando (20 terabytes) “O tráfego no site era tão intenso no momento do lançamento que tivemos que limitar o acesso do usuário a 30 minutos de cada vez”, disse Bryson. “A coisa surpreendente foi que as pessoas não desistiram. Quando terminava o tempo de acesso deles, eles entravam novamente para terminar a pesquisa”.

Hoje o site é ágil e rápido. Bryson disse que ele foi movido pela incrível gratidão dos usuários do site. “Foi muito impressionante, emocionante e gratificante” ver as pessoas capazes de acessar facilmente os registros online de seus antepassados, convenientemente de suas casas.

Steve Rockwood, CEO do FamilySearch, não está surpreso pela popularidade contínua do site. Ele disse, “Quando os indivíduos descobrem mais sobre a história de sua família ou fazem novas conexões familiares, isto os modifica. Eles vêem e tratam uns aos outros de maneira diferente”. Rockwood disse que os futuros serviços em desenvolvimento no site criarão mais dessas experiências de descoberta empolgantes em todo o mundo para os visitantes do site.

O FamilySearch.org continua a ter um crescimento impressionante hoje, acrescentando mais de 50.000 novos usuários semanalmente e centenas de milhões de novas fotos de família, documentos, áudios, histórias e registros históricos anualmente, de colaboradores e arquivos em todo o mundo.

Veja o que mudou e faça novas conexões familiares em sua árvore familiar gratuitamente no FamilySearch.org.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários